Novembro Laranja.

11 de novembro é o Dia Nacional para a conscientização sobre o Zumbido, um movimento nacional que busca chamar a atenção da população para a realidade crescente do zumbido no ouvido, especialmente entre jovens e crianças. 

Você sabia???
Então leia o texto abaixo que foi elaborado pela Associação de Pesquisa de Interdisciplinar e Divulgação do Zumbindo (APIDIZ) como apoio do Instituto Ganz Sabches. E fique por dentro do assunto.



Mais de 28 milhões de brasileiros de todas as idades estão com zumbido.
Você e seus filhos estão entre elas?

Você sabe o que é o Novembro Laranja?
É um movimento nacional para chamar a atenção da população para a realidade crescente do zumbido no ouvido, em especial entre os jovens, além da importância do diagnóstico e tratamento precoces.

O que é o zumbido?
É um som que as pessoas escutam no ouvido ou na cabeça, especialmente no silêncio. Pode parecer apito, chiado, cachoeira, cigarra, etc. Algumas pessoas só o ouvem se prestarem atenção; outras o percebem o dia todo.

É comum ter zumbido?
Sim, cada vez mais! De 1995 a 2010, o zumbido aumentou de 15% para 24% na população geral; muito mais do que a asma, surdez, cegueira ou Alzheimer... e o pior: muita gente ainda não ouviu falar disso!

Os jovens também têm zumbido?
Para nossa surpresa, crianças de 5 a 11 anos e adolescentes de 12 a 17 anos tiveram 37% e 34% de zumbido em pesquisas recentes, ou seja, mais do que a população geral! Diferente dos adultos e idosos, o zumbido dos jovens começa ANTES da audiometria acusar qualquer perda auditiva. Esses ouvidos com zumbido podem ser mais sensíveis a lesões no futuro, por isso devem ser avaliados com mais frequência e mais cuidado.

No início, muitos ficam preocupados e pensam “será que isso é algo grave?”, “e se eu piorar?”, “será que vou ficar surdo?”. Cerca de 20% têm dificuldades para dormir e se concentrar no trabalho/leitura, ficando mais ansiosos ou deprimidos. Os outros não costumam se importar.

O que pode causar o zumbido?

Ele costuma ser “sinal de alerta” de algum problema no ouvido ou em órgãos próximos. Em adultos e idosos, geralmente ele é consequência de alguma perda auditiva (mesmo que pequena!). Nos jovens, ele precede a perda de audição. Várias causas de zumbido já são conhecidas e algumas até são fáceis de identificar e tratar. Problemas comuns são os erros alimentares (principalmente o jejum prolongado, abuso de cafeína, doces e gorduras), a exposição a sons altos, otites, labirintites, diabetes, pressão alta, colesterol, envelhecimento, tumores etc. Problemas emocionais também causam zumbido. Portanto, uma única pessoa pode ter várias causas para o zumbido, que devem ser pesquisadas detalhadamente.

O que devo fazer se tenho zumbido?
Procure seu médico otorrinolaringologista de confiança; ele saberá lhe orientar adequadamente. O importante é investigar o que pode estar afetando o seu ouvido. Ex. 1: um jovem pode ter zumbido porque ouve música alta, come muitos doces e é ansioso.  Ex. 2: uma senhora pode ter zumbido pela idade, diabetes, pressão alta, abuso de cafeína e depressão. Tudo que puder ser revertido ou controlado tem chance de melhorar o seu zumbido.

Há algum tratamento para o zumbido?
Sim, vários! Alguns são simples e rápidos, outros lentos ou sofisticados. Nenhum deles pode ser generalizado para todos os casos. O melhor é personalizar para cada caso, considerando-se as causas do zumbido em cada paciente e a presença ou não perda auditiva, hipersensibilidade a sons ou tontura. Não deixe de buscar informação e ajuda: escolha junto com seu médico otorrino de confiança! Se quiser, acesse também as palestras gratuitas do GANZ (Grupo de Apoio Nacional a Pessoas com Zumbido) nohttp://twitcasting.tv/zumbidonoouvido e outras informações no www.apidiz.org.br ou www.institutoganzsanchez.com.br.

Como prevenir o zumbido?
1. Quando for a festas, shows ou bares ruidosos use protetores de ouvido e faça intervalos periódicos. Com fones de ouvido, evite ultrapassar a metade da potência do seu aparelho ou usar mais que 2 horas seguidas. Isso faz MUITA diferença para a segurança dos seus ouvidos!
2. Alimente-se bem, de 4 a 6 vezes por dia, sem “pular refeição”. Evite excesso de cafeína, doces, álcool e nicotina.
3. Diminua o tempo de contato do celular com o ouvido, use mais viva-voz ou fone e troque o que for possível por mensagem de texto.
4. Alivie seu estresse com atividades relaxantes comprovadamente eficazes, como yoga, meditação, Tai-Chi-Chuan, Chi-Cong etc.
5. Estimule seus ouvidos com baixo volume de música suave ou outros sons agradáveis.
6. Evite auto-medicação, pois certos medicamentos podem causar zumbido.
7. Incorpore mais atividades de prazer na sua vida: atividade física, passeios, relacionamentos saudáveis, cinema etc. Momentos de felicidade ajudam a restaurar nossos os órgãos, inclusive os ouvidos.

Resumindo...
Há várias causas e tratamentos disponíveis para o zumbido, mas é essencial adaptar as opções para a idade, o perfil e as necessidades de cada paciente. Crianças e adolescentes devem ser tratados diferente dos adultos e idosos. Consulte seu otorrinolaringologista de confiança, procure informações corretas e atualizadas. Isso pode ajudar muito a entender o zumbido e a direcionar-lhe para o melhor tratamento. Quanto antes você tratar, maior a chance de cura ou de grande melhora. Portanto, se você ouvir algo como “não há nada que possa ser feito” ou “você vai ter que aprender a conviver com isso”, siga em frente na sua busca!

VAMOS APOIAR ESTA CAUSA!!

Promoção: Associação de Pesquisa Interdisciplinar e Divulgação do Zumbido (APIDIZ).
Apoio: Instituto Ganz Sanchez.

8 comentários :

  1. Olá multiplicadora Vanessa, que belo texto! Muito bem explicado e cheio de dicas, valeu.

    Educadora, receba um convite especial para conhecer os novos blogs/multiplicadores do mês de setembro/12, conforme as regras.
    Seu blog foi um dos conquistadores. Parabéns e muito obrigado.

    Link da postagem:
    http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/2012/11/multiplicadores-top-comentarista-do-mes.html

    Aproveite a visita para ler as novas páginas, pode ser interessante à parceria.

    http://www.marquecomx.com.br/
    http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/

    Fiquemos na Paz de Deus e até breve.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico imensamente feliz em saber desta novidade Irivan!
      Muitíssimo obrigada! .))

      Excluir
  2. Muuuuito obrigada pela ajuda na divulgação do nosso material!!! Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Olá Vanessa
    Um texto magnífico com ótimas informações e dicas importantíssimas. Um ótimo final de semana. Um carinhoso abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Escola Promorar.
      Fico imensamente feliz com tua visita.
      Este texto realmente é bem esclarecedor.
      Gostei muito de poder divulgá-lo aqui no blog!

      Um beijo!

      Excluir
  4. Olá,
    Visitei e gostei do seu blog...
    Estas dicas sobre zumbido são muito úteis,até porque eu trabalho numa escola de crianças surdas e compreendo muito bem a importância de tratar a audição enquanto a temos...
    Obrigada por partilhar este texto de uma forma tão simples para que todos compreendam ....
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lúcia,

      Eu que agradeço tua presença aqui!
      Fico feliz que tenhas gostado. Já estudei um pouco sobre educação de surdos e sei que este saber é mesmo importantíssimo. Principalmente para nós que somos professores.

      Um beijo!
      Sejas bem vinda!

      Excluir

Faça seus pensamentos presentes! Nunca se cale!!!
Obrigada por comentar!

 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos