OS DIREITOS NATURAIS DA CRIANÇA

Sempre leio o Blog da Roseana Murray, e nessa última leitura, ela postou o texto cujo com o título é o tema dessa postagem. Fiquei encantada com o texto, pois ele reforça aquilo que acredito sobre  a educação das crianças.
Fiz uma pequena pesquisa sobre o autor do texto,  mas  ainda não encontrei. Dizem que  foi escrito por Rubem Alves, mas o blog do Colégio Friburgo, nos diz que não, que esse texto foi publicado em um congresso onde o Rubem também estava. 
Ufa!
Depois das explicações, vamos ao texto, pois ele sim nos interessa, e  muito, independente de sabermos quem foi o felizardo e/ou abençoado que o escreveu.
Não é verdade?

OS DIREITOS NATURAIS DA CRIANÇA

                                  

 DIREITO AO ÓCIO:
Toda criança tem o direito de viver momentos de tempo não programados pelos adultos.






DIREITO A SUJAR-SE:
Toda criança tem o direito de brincar com a terra, a areia, a água, a lama, as pedras





DIREITO AOS SENTIDOS:
Toda criança tem o direito de sentir os gostos e os perfumes oferecidos pela natureza.







DIREITO AO DIÁLOGO:
Toda criança tem o direito de falar sem ser interrompida, de ser levada a sério nas suas idéias, de ter explicações para suas dúvidas e de escutar uma fala mansa, sem gritos.






DIREITO AO USO DAS MÃOS:
Toda criança tem o direito de pregar pregos, de cortar e raspar madeira, de lixar, colar, modelar o barro, amarrar barbantes e cordas, de acender o fogo.





DIREITO A UM BOM INÍCIO: 
Toda criança tem o direito de comer alimentos sãos desde o nascimento, de beber água limpa e respirar ar puro.






DIREITO À RUA:
 Toda criança tem o direito de brincar na rua e na praça e de andar livremente pelos caminhos, sem medo de ser atropelada por motoristas que pensam que as vias lhes pertencem.





DIREITO À NATUREZA SELVAGEM:
Toda criança tem o direito de construir uma cabana nos bosques, de ter um arbusto onde se esconder e árvores nas quais subir.













DIREITO AO SILÊNCIO: 
Toda criança tem o direito de escutar o rumor do vento, o canto dos pássaros, o murmúrio das águas.













DIREITO À POESIA:
 Toda criança tem o direito de ver o sol nascer e se pôr e de ver as estrelas e a lua.”










Todas as imagens foram retiradas
da galeria de imagens do Google.

0 comentários :

Postar um comentário

Faça seus pensamentos presentes! Nunca se cale!!!
Obrigada por comentar!

 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos